Mexendo o esqueletinho: A importância da dança na educação da criança

Vamos conhecer um pouco sobre a importância da dança na Educação Infantil? E, vamos explorar o que os nossos pequenos aprendem com nossas aulas!

Quer razões mais concretas para dançar? Onde há movimento há vida! Onde há vida, há movimento, e o movimento é a base da dança. É o elemento principal a ser trabalhado, lapidado e aperfeiçoado. A dança nasce da necessidade de se dizer o indizível, pois nada é mais revelador que o próprio gesto. (BAMBIRRA, 2007, p. 24)

É papel da Educação Infantil ampliar as relações sociais das crianças com outras crianças e adultos, fazer com que a criança conheça o seu próprio corpo, brinque e se expresse de diferentes formas além de utilizar diferentes linguagens para se comunicar. Essa etapa da educação pode ser considerada como fonte para se descobrir, descobrir o mundo, se descobrir nesse mundo e descobrir o outro.

A dança nessa etapa da educação é uma maneira de incentivar a criança a expressar seus sentimentos através dos movimentos, desenvolvendo nelas o conhecimento corporal e o entendimento do seu corpo em relação a si, ao outro e ao espaço.

A criança através da dança cuidará do seu corpo, como se fosse a sua “casa”, tratando do corpo e do movimento de maneira livre e criativa, sem formatos fechados e restritos, sem separá-las por gêneros ou diferenças, quebrando barreiras e preconceitos assim crescerão capazes de se expressar, de se movimentar livremente e de respeitar diferenças.

A dança pode auxiliar para a criança compreender, revelar, desconstruir e transformar as relações entre o corpo, a arte e a sociedade. Assim, essa arte contribui para que o aluno tenha consciência das suas potencialidades aumentando a sua capacidade de comunicação e conscientização com suas posturas, gestos, atitudes e ações cotidianas, bem como interagir com a sociedade em que vivemos.

Além de fazer com que a criança conheça o seu corpo e suas possibilidades ela auxilia no desenvolvimento psicomotor e no desenvolvimento das habilidades motoras da criança e também serve como um despertar da criatividade, trabalhando ao mesmo tempo com a atenção e a concentração da criança.

A dança desenvolve os movimentos da criança e faz com que ela conheça seu corpo e seus limites, assim poderá se desenvolver e conquistar mais experiências, além de se conhecer por fora e por dentro, através das expressões e emoções desenvolvidas durante as aulas. As duplas, os trios e os círculos formados durante as aulas são as primeiras experiências de coletividade e exploração de espaço e seus limites que as crianças tem em relação ao mundo, assim poderão crescer aprendendo a respeitar e a se portar diante dessas situações que virão no decorrer da sua vida.

As diferenças de gostos, culturas e estilos musicais existirão ao longo da trajetória da criança na educação e na vida, porém dando a oportunidade de a criança conhecer diferentes culturas, diferentes estilos e diferentes limites ela será cresce capaz de respeitar o gosto do outro e crescer com a consciência para escolher as suas preferências.

As aulas desenvolvem a coordenação e as habilidades motoras, a noção de espaço e a lateralidade, a consciência corporal, o desenvolvimento da criatividade e o conhecimento dos sentidos e emoções, desenvolve a expressão corporal, o trabalho em grupo, o conhecimento de diferentes estilos musicais e estilos de dança e o conhecimento de diferentes culturas e festas, desenvolve a exploração do seu corpo e seus limites, trabalha com o respeito e cuidado com o seu corpo, com o seu corpo em relação ao ambiente e em relação ao outro, o respeito e cuidado com o outro e ao mesmo tempo que desenvolve a criança por inteiro traz diversão, alegria e serve de motivação para as aulas da educação infantil.

Dançar é tão importante para uma criança quanto falar, contar ou aprender geografia. É fundamental para a criança que nasce dançando, não desaprender essa linguagem pela influência de uma educação repressiva e frustrante (…). (Scarpato, 2001, p. 60, apud Béjart apud Garaudy, 1980)

Professora Bruna Bregolin
Escola de Danças Carla Barcellos em parceria com Escola Reinado Infantil

Os comentários estão encerrados.